TA – Capítulo 59 – 3Lobos

TA – Capítulo 59

Confirmação

— Sr. Victor!? — Lott e Heródoto não conseguiam acreditar que seu professor se recusou a aceitar este presente precioso.

Embora ainda houvessem alguns problemas com a atuação de Lucien, aquela ainda era uma grande obra. Se Victor estivesse disposto a revisá-la e transformá-la em uma sinfonia, ela poderia se tornar uma das maiores obras da história da música, uma joia brilhante no rol das sinfonias! Até mesmo Felícia achava que o que o Sr. Victor disse era inacreditável.

Acenando com a mão direita, Victor parou eles e se virou para Lucien novamente.

— Sr. Victor… — Lucien percebeu que não conseguiria convencer seu professor, a menos que lançasse um feitiço sobre ele. Ele não sabia o que dizer.

— Obrigado, Lucien. Graças a Deus. — Segurando a mão sobre o coração, Victor sorriu. — É a música mais comovente que eu já ouvi. Obrigado. Agora eu tenho uma nova compreensão para a música. E… Lucien, eu poderia ter a honra de apresentar esta grande obra no meu concerto, como maestro?

— Obrigado pelo elogio, Sr. Victor… Espera aí, maestro? — Lucien ficou muito surpreso. — Eu não entendo… É o seu concerto.

— E desde quando eu não posso ser o maestro no meu próprio concerto? — Victor sorriu.

— Idiota… — Felícia comentou baixinho, — O Sr. Victor vai apresentar seu trabalho para toda a plateia no concerto. — Ela invejava Lucien por ter aquela ótima chance de ganhar fama dentro de um período de tempo tão curto. No entanto, ela também admitia que o talento de Lucien merecia essa chance.

Depois de ouvir as palavras de Felícia, Lucien disse apressadamente para Victor:

— Seria um prazer.

— Eu tenho uma pergunta para você, Lucien. — Heródoto falou com ele à distância, com as mãos entrelaçadas, — Esta obra realmente foi feita por você? Sim ou não?

O resto das pessoas na sala só agora percebeu que Lucien era apenas um estudante de música muito inexperiente. Como ele conseguiu compor uma obra tão emocionante, tão brilhante?

Ele realmente era um gênio, um tesouro desconhecido?

Todo mundo estava olhando para Lucien.

Lucien não sabia como explicar a eles, e ele também não podia. Nos quesitos justiça e honestidade, ele não estava nem perto de seu professor de música.

Agora, só havia uma coisa que Lucien poderia fazer: seguir o plano.

— Sim, — respondeu Lucien, — a inspiração do solo veio à minha mente há muito tempo. Naquela época, eu não tinha recebido qualquer instrução musical formal até conhecer o Sr. Victor. Eu não tinha ideia de como escrever o ritmo na minha cabeça.

Victor concordou com a cabeça, olhando para Lucien, que continuou:

— A inspiração veio do meu dia-a-dia, da pobreza, desespero e luta. Toda vez que eu via outras pessoas se vestindo elegantemente, ou comendo pratos extravagantes, eu me perguntava por que aquela não era a minha vida. Eu quero lutar pelo meu próprio futuro.

— É por isso que você veio procurar o Sr. Victor? — Rhine perguntou.

— Isso mesmo. Mas se tornar um estudante de música do Sr. Victor foi algo fora das minhas expectativas. Eu nunca pensei que eu poderia ter tanta sorte. Afinal de contas, eu comecei a aprender a ler, não a aprender música. — Lucien respondeu. — Embora eu tivesse passado por muitas dificuldades nos últimos meses, eu sou muito grato por todo o apoio e encorajamento que você me deu, Sr. Victor.

As experiências reais de Lucien e algumas mentiras se misturaram, fazendo com que suas palavras se tornassem aceitáveis.

— Venho trabalhando nisso há mais de três semanas, e eu estava tentando aprimorar bastante durante estes dias. Lott, Felícia e Heródoto são minhas testemunhas.

Rhine e Victor se viraram para olhar para o resto dos alunos, se perguntando por que eles nunca notaram o valor da obra de Lucien.

— Bem… — Felícia olhou Lucien com sentimentos contraditórios. — Provavelmente foi nosso preconceito que não nos deixou ouvir direito. Na verdade, eu me lembro de alguns pedaços que ouvi enquanto Lucien estava compondo e praticando. Naquela época, Lucien ainda estava trabalhando nela, e sua habilidade estava bem… horrível. Então, nós realmente não prestamos atenção a ela.

Apenas o próprio Lucien sabia que sua performance terrível foi proposital.

— Como disse Felícia, nossos preconceitos nos deixaram surdos, — Lott admitiu. — Lucien, você é um gênio. Uma grande canção como esta geralmente leva meses ou mesmo anos de trabalho duro.

Lott ficou muito impressionado com a atuação de Lucien. Se a obra não tivesse ficado tão boa, talvez ele ainda sentiria um pouco de ciúmes e raiva, mas agora ele viu o abismo que existia entre ele e Lucien. Ele estava bem ciente do fato de que ser grosseiro e deselegante com um possível grande músico no futuro não iria lhe trazer qualquer benefício.

— Obrigado, Lott. Mas eu não sou um gênio… Eu também levei muitos anos… — Lucien tentou explicar.

— Não há nenhum problema em apenas aceitar elogios dos outros, Lucien. — Victor sorriu. — Eu nunca ouvi nada parecido com isso antes. Eu acredito que é fruto do seu próprio trabalho.

Rhine também concordou com a cabeça.

— Eu viajei por muitos países, mas também é a primeira vez que ouço algo parecido. Eu acredito que foi a sua vida dura que lhe trouxe a inspiração. O sofrimento faz um gênio. Obrigado por trazer isso para nós, Lucien.

O rosto de Lucien corou. Enquanto outras pessoas pensavam que ele estava apenas agindo com timidez, Lucien sabia que ele estava se sentindo constrangido e envergonhado.

— Eu concordo com Rhine. Às vezes, sem as muitas fronteiras e limites em mente, um novo aluno pode ser capaz de melhor libertar seus sentimentos e inspirações e criar grandes obras, voando livre no mundo da música. — Victor concordou com as palavras de Rhine. — Eu tenho trabalhado em minha quarta sinfonia por nove anos, em memória de minha esposa, Winnie, mas eu estava tendo dificuldades pois estava limitado pela minha experiência passada e pelo que eu aprendi com os meus professores. Eu pensei que uma sinfonia não seria um meio adequado para expressar emoções pessoais, mas apenas para temas religiosos. Obrigado, Lucien, você me proporcionou uma nova visão do meu trabalho.

Em seguida, Victor se virou e juntou as mãos com satisfação.

— Muito bem, Lucien. Escreva cuidadosamente a sua obra e eu vou revisá-la para você e transformá-la em uma sinfonia. Além disso, vou falar com o Sr. Othello para alterar a lista. Então nós precisaremos praticar muito para o próximo concerto.

Vermillion
Domina Inglês e Português. Spymaster nas horas vagas.
FONTE
Cores: