TA – Capítulo 109 – 3Lobos

TA – Capítulo 109

Marcus

Vendo Lucien, Lilith ficou bastante animada e tímida.

— Seu desempenho nesse restaurante foi incrível!

Lucien de alguma forma perguntou subconscientemente:

— Por que vocês dois ainda estão em Aalto?

— Ainda temos tempo até a… — antes de Lilith terminar a frase, Sarre a cortou diretamente, já que ele percebeu que sua irmã mais nova podia mandar tudo pelos ares inadvertidamente.

— Sr. Evans, por que você achou que não iríamos ficar aqui para o festival? — Assim que ele perguntou, Sarre lamentou ter feito aquela pergunta de uma forma tão defensiva, que poderia fazer ele e Lilith serem ainda mais suspeitos.

Lucien ficou um pouco nervoso também. Ele não queria que Lilith e Sarre percebessem que ele realmente sabia mais sobre as ruínas daquele local mágico do que eles pensavam.

— Vocês dois estavam com bastante pressa quando me visitaram, — a mente de Lucien estava trabalhando rápido, — e eu pensei que tinham algo urgente. É por isso.

— Ah, entendi. — Sarre relaxou um pouco e mudou para um assunto mais seguro. — Como Lilith disse, sua apresentação lá foi muito impressionante.

Depois de conversar um pouco mais, Sarre saiu com sua irmã mais nova, embora ela estivesse um pouco relutante em parar de conversar com Lucien.

Vendo Sarre e Lilith saindo, Lucien franziu ligeiramente as sobrancelhas, sentindo-se um pouco preocupado. Ele não tinha certeza se o encontro de hoje com os dois irmãos havia sido apenas mais uma coincidência ou talvez algo mais.

No entanto, Lucien não deixaria sua preocupação arruinar seu lindo dia. Ele ainda passou uma tarde muito agradável, com Iven sempre em volta dele, e desfrutou do clima festivo.

À noite, Lucien levou Iven de volta para Joel e Alisa e jantou com eles. Em seguida, eles caminharam em direção à praça central. Naquela noite, a praça estava muito mais movimentada do que o habitual, estando literalmente lotada. Muitas pessoas se reuniram ali para apreciar o concerto da noite no Salão dos Salmos através do círculo de poder divino.

O círculo de poder divino era algo fácil de se ver, parecendo mais como uma cúpula de cristal transparente flutuando no ar do que com um círculo mágico misterioso de projeção. Através daquela tela enorme em formato de cúpula, as pessoas na praça poderiam assistir o desempenho espetacular e desfrutar da maravilhosa música ao mesmo tempo.

— Uau… — Iven estava viajando na batatinha.

— Parece que nós não vamos conseguir chegar mais perto, — disse Joel. — Vamos ficar aqui mesmo.

— Nós não vamos ficar aqui! — Alisa se recusou, — O que nós vamos conseguir ver desse local?

Enquanto estava falando, Alisa se preparou para tirar vantagem de sua estrutura corporal vantajosa para abrir um caminho para eles.

— Tia Alisa, — Lucien sorriu e a impediu de prosseguir, — na verdade, eu conheço um lugar melhor do que a praça.

A prefeitura de Aalto era um prédio de cinco andares, que ficava do outro lado da praça central.

— O pai de Felícia, Sr. Urbain, é o escrivão aqui, — explicou Lucien. — Ele nos convidou para assistir o concerto no andar superior.

Quando chegaram mais perto, Lucien viu que Felícia já estava esperando lá no portão dos fundos da prefeitura.

Devido à quantidade limitada de lugares que o Salão dos Salmos poderia oferecer e ao grande número de convidados ilustres vindos de outros países, nem mesmo o Sr. Urbain havia sido convidado para a apresentação daquela noite. Quanto à Associação dos Músicos, apenas os músicos mais conhecidos foram convidados, como o Sr. Victor, cujo concerto tinha acabado de ser um sucesso no Salão dos Salmos.

Na verdade, Lucien, como consultor de música pessoal da princesa, também foi convidado, mas ele não se atreveu a ir, uma vez que um grande número de grandes cardeais e bispos estaria lá naquela noite. Lucien não queria correr qualquer risco desnecessário.

O concerto começou às oito em ponto.

Uma luz solene apareceu acima da praça central, cobrindo todos os presentes. Todas as pessoas presentes baixaram a cabeça, orando e louvando. Este era o amor de Deus, o poder de Deus.

Lucien também baixou a cabeça, mas ele estava pensando em outra coisa. Como o poder da magia se originava da natureza, Lucien se perguntou de onde é que o poder divino vinha.

A luz ficou cada vez mais brilhante, e então ela gradualmente se espalhou pela cúpula de cristal. O palco principal espetacular do Salão dos Salmos apareceu lentamente no céu.

O Coral da Catedral de Ouro estava pronto.

— Seguidores devotos…

A música foi maravilhosa, como se estivesse sendo cantada pelos anjos. Todos os coristas eram homens, e todos eles eram castrados antes de entraram na sua adolescência. Assim, suas vozes eram ainda mais puras e belas do que a das mulheres.

— Lucien… você está bem? — Felícia perguntou com preocupação.

— Oi? Estou bem, Felícia, — respondeu Lucien. — Por que a pergunta?

— Desculpe, eu só estava pensando que esse início magnífico para o primeiro concerto deve ter colocado ainda mais pressão sobre você. — Felícia balançou ligeiramente a cabeça, — Parece que estou mais nervosa do que você.

Lucien sorriu.

— Obrigado, Felícia. Eu estou bem.

Sob a insistência inflexível do Sr. Victor, Lucien participou do segundo concerto no Salão dos Salmos. Era o concerto de Christopher, o presidente da associação.

— Você não pode perder isso, — disse Victor para Lucien. — Pode ser o último concerto do Sr. Christopher. Você tem que dar valor a esta oportunidade.

— Ah, claro… Não posso perder essa oportunidade de assistir a um concerto de um mestre de música, para ver a brilhante atuação dele e ficar ainda mais ansioso. — Lucien brincou.

— Se você estivesse realmente tão estressado, você não diria algo assim. — Victor conhecia a personalidade de Lucien muito bem. — E eu confio em você, Lucien. Eu vi a tablatura da Sonata Patética. Embora seja desafiadora, eu acredito que essa sonata possa gerar uma revolução na história da música.

— Obrigado, Sr. Victor. — Lucien sorriu. — Seu apoio significa muito para mim.

Neste momento, um jovem nos seus vinte anos com cabelo preto e olhos castanhos se aproximou deles.

— Sr. Victor, boa noite, — cumprimentou o jovem. — Este é o Lucien Evans?

Victor se levantou e apresentou o recém-chegado com um grande sorriso no rosto:

— Este é meu aluno anterior, Marcus. Ele é agora o consultor de música do Reino de Shaq. Ele voltou há alguns dias, apenas por causa do festival de música.

Vermillion
Domina Inglês e Português. Spymaster nas horas vagas.
FONTE
Cores: