Soberania – Capítulo 9 – 3Lobos

Soberania – Capítulo 9

Um novo começo!  (1)

 

Um monstro com o corpo de um macaco e a cabeça de um rato. O que na verdade seria aquilo? Um ser tão bizarro não poderia existir na realidade.

­— Kuaaaah! Kikikiki!

Ele correu em direção à Kang-jun com um porrete na mão.

*Fou* *Fou*

Kang-jun teve que desviar da criatura no estreito corredor, sorrindo de repente.

Espere! Eu não preciso desviar. Eu posso absorver a força vital dele!

O poder que alvejava os criminosos e valentões na realidade! Naturalmente que ele também seria eficaz aqui. Kang-jun imediatamente focou sua má-intenção no macaco cabeça de rato. Mas houve uma mensagem inesperada.

[Alvo inválido]

[A energia é incapaz de ser absorvida]

— O que? Por que não?

Por que o alvo era inválido? No entanto, agora não era o momento certo de se preocupar com essas coisas. O porrete estava vindo impiedosamente em direção a ele. Kang-jun deu um passo para trás. Então o macaco com cabeça de rato ganhou mais impulso e saltou para cima dele.

— Kiaaah!

Ele preparou uma porretada enquanto ainda estava no ar. Naquele momento, o pé esquerdo de Kang-jun chutou o pulso que estava segurando o porrete. Já o pé direito bateu no abdômen do macaco com cabeça de rato.

*Pow*

— Keeek!

O macaco com cabeça de rato gritou e correu para trás. Nada de mais. Kang-jun ainda era um 3º dan no taekwondo, apesar do estado lento de seu corpo. Além disso, seus dois pés estavam funcionando agora e, portanto, não seria um problema enfrentar um monstro nanico. Ele não conseguia absorver magia negra, mas ainda podia atacar diretamente.

— Kwaaaaah!

Então um outro macaco idêntico apareceu de dentro do quarto 413.

*Fou* *Fou* *Fou*

Uma série de porretadas vindas dele! Kang-jun recuou e esquivou. O macaco que tinha saltado para cima dele também voltou. Um 2×1! Entretanto, ele não entrou em pânico. Kang-jun tinha entrado em pânico no início, quando viu aquele ser bizarro pela primeira vez.

No entanto, a forma como eles manuseavam os porretes era primitiva, não representando uma grande ameaça. Era como duas crianças do primeiro grau segurando pauzinhos. Afinal, certamente se podia dizer que eles também tinham o porte de uma criança.

— Kuaaaah!

Enquanto isso, um dos macacos com cabeça de rato saltou no ar e brandiu seu porrete.

*Fou*

O porrete veio na direção da cabeça de Kang-jun, mas ele inclinou ligeiramente a cabeça e evitou o golpe. Ao mesmo tempo, ele girou e mandou um chutão com o pé esquerdo.

*Pow*

O pé esquerdo atingiu com precisão o estômago do macaco.

— Keek!

Desta vez, o chute tinha força total. Um golpe que nem mesmo um adulto conseguiria resistir!

Kang-jun virou o pé esquerdo e mandou no outro macaco que veio correndo em sua direção.

*Pow*

— Kuwek!

Um voou cinco metros, enquanto o outro estava aos pés de Kang-jun. Ainda não morreu! Kang-jun se preparou novamente para outro golpe.

*Pah* *Pah* *Pah*

O punho de Kang-jun atingiu repetidas vezes a cabeça de rato do macaco, sem qualquer misericórdia.

— Kuwaaack!

[Você ganhou experiência]

[Você ganhou 3 Nodes]

Kang-jun confirmou o recebimento de experiência e correu para o outro macaco sem mais delongas.

*Pah* *Pah* *Pah*

— Kuwek!

Ele não resistiu após alguns golpes em sequência.

[Você ganhou experiência]

[Você ganhou 4 Nodes]

Assim como num jogo, ele adquiriu experiência matando os monstros.

Lv.1 (exp. 20,00%)

Ele estava com 20% de experiência em sua janela de status.

Os macacos deram 10% de experiência cada um. Isso significava que ele iria subir de nível se matasse mais oito. Aliás, o que são Nodes? Kang-jun tinha adquirido 7 Nodes ao se livrar dos macacos com cabeça de rato.

[Nodes são a moeda que só está disponível no mundo de Hwanmong]

[Ganhar mais Nodes lhe permitirá declarar guerra]

Dinheiro. Ele não precisava ficar pensando demais. Como num jogo, a experiência e o dinheiro poderiam ser obtidos através de monstros. Ele saberia quanto valor 7 Nodes teriam mais tarde. Massa!

Kang-jun pegou um dos porretes que os monstros tinham utilizado. Uma arma vai ajudar a reduzir meu cansaço. Setenta centímetros de comprimento, na forma de um bastão. Leve, mas muito dura. Em resumo, ele conseguiu evitar ser atingido e não sentiu nada de dor no confronto.

— Kuaaaah!

— Kikikiki!

Enquanto isso, mais dois macacos com cabeça de rato apareceram. Mais uma vez do quarto 413! Por que continuam saindo de lá? Seria um covil de monstros? Espere! Será que todos eles usam armas contundentes?

*Siiiiiiiu*

O terrível som do ar sendo cortado ao meio. Merda! Uma flecha passou lambendo o rosto dele! Se Kang-jun não tivesse virado a cabeça para olhar, então a flecha teria se alojado em seu crânio.

Surpreendentemente, os macacos com cabeça de rato dessa vez estavam segurando arcos em suas mãos. Droga! Atirando de arco! Ele teve muita sorte. Conseguiu evitar uma flecha surpresa. Talvez fosse o poder da sorte. Se assim fosse, ele fez muito bem ao decidir tentar aumentar esse atributo.

Mas agora não era hora de ficar contente. O outro macaco cabeça de rato disparou uma outra flecha!

*Siiiiiiiu*

Desta vez ele demorou demais e a flecha perfurou o seu antebraço esquerdo, fazendo com que o sangue escorresse. [NT: Fiiiiiiirst Blood!]

— Ahhhh! Merda!

Kang-jun tremeu de dor. Por que ele teve que sofrer uma um ferimento deste? Como ele poderia imaginar ser atingido por uma flecha? Uma flecha, não uma espada! Sua boa sorte não funcionou uma segunda vez.

— AaaAHH!

A dor da flecha! Normalmente ele não sentia dor em seus sonhos, mas este lugar era Hwanmong. Aqui ele sentiria a mesma dor que na realidade.

— Kikikik!

— Kyakyaaah!

Kang-jun se moveu um pouco para a frente enquanto os macacos se preparavam para disparar flechas de novo.

— Que desgraçados! Esses filhos da &#$%!

Kang-jun cerrou os dentes. Não havia tempo para hesitar. Ele poderia se deixar ser atingido por mais flechas. Kang-jun de repente se lembrou de uma frase que ele nunca deveria esquecer.

“…perderá tudo se for derrotado. Particularmente, a derrota no mundo de Hwanmong significa morte certa.”

“Se você não quer se tornar um cadáver como eu, seja grato pelo poder de Hwanmong, ouça minhas palavras hoje e nunca as esqueça….”

Era isso. Não havia sido um mero sonho. Morte aqui significaria morte real. Ele teve calafrios só de pensar nisso.

— Nem a pau! Não vou deixar isso acontecer.

Kang-jun ignorou a dor em seu braço esquerdo e empunhou o porrete enquanto avançava até os inimigos.

*Bam! Bam!*

— Kek!

— Kuweek!

Ele não deixou brecha para retaliação. As cabeças de rato dos macacos foram esmagadas sem dó.

[Você ganhou experiência]

[Você ganhou 4 Nodes]

[Você ganhou experiência]

[Você ganhou 4 Nodes]

Ufa! Kang-jun suspirou.

Vermillion
Domina Inglês e Português. Spymaster nas horas vagas.
FONTE
Cores: