Soberania – Capítulo 76 – 3Lobos

Soberania – Capítulo 76

Rainha Naga (3)

Nagas se aglomeraram por todos os lados. Ao contrário dos carniçais e dos vampiros, que desapareceram quando a joia das trevas foi destruída, os nagas não pareciam depender dela.

Claro, eles estavam vivos, mas não eram uma ameaça verdadeira. Seu poder de ataque era quase insignificante perto de Kang-jun. Se ele quisesse, aquilo seria uma carnificina unilateral. Claro, eles eram apenas as tropas comuns, já que a Rainha Naga ainda estava viva.

— Você vai morrer diante da ira dos nagas!

*Supak!*

Uma lança afiada aterrorizante voou na direção dele.

*Kwaang!*

A terra, as pedras e os pilares que mantinham a fortaleza de pé começaram a rachar quando a lança evitada por Kang-jun atingiu a estrutura da fortaleza.

Avaliando-se apenas para a parte superior do corpo, a Rainha Naga era esbelta. Ela tinha apenas quatro metros de altura, ou melhor, de comprimento, não sendo gigantesca como o Lorde Carniçal. Devido ao fato de que a parte inferior do corpo era uma serpente longa, ela acabava ficando em uma altura semelhante à de Kang-jun.

Seu corpo inteiro estava ensanguentado, e uma parte de sua cintura parecia haver sido cortada fora pelo chicote de Heksia. No entanto, a determinação em seus olhos não tinha se alterado em nada. Era como se ela estivesse disposta a empunhar sua lança até seu último suspiro.

*Kakang! Kang!*

Kang-jun já tinha experimentado o poder da sua lança enquanto lutava contra o clone. Ele conhecia o padrão dos ataques dela e estava confiante de que poderia ganhar facilmente contra um clone. No entanto, a Rainha propriamente dita estava em um nível completamente diferente. Era a mesma lança, mas a força dela era diferente. Ao defender dos golpes, parecia que ele estava batendo de cara em uma parede de tijolos.

*Kakang! Kakakak! Hwiririk!*

— Ugh!

Kang-jun usou sua espada para bloquear a ofensiva contínua, mas acabou sendo empurrado para trás pelo choque das lâminas. Normalmente, a Rainha Naga estaria muito além do nível de Kang-jun, mas, neste momento, ela já tinha recebido um golpe fatal de Heksia e perdido muita força devido à destruição da joia das trevas. No entanto, sua lança parecia que estava viva e tentava enganar Kang-jun.

*Kakang! Kakakak! Hwiririk!*

Depois de uma sequência de ataques, ela ou conseguia forçar Kang-jun a recuar um pouco, ou usava o choque das armas para causar uma explosão de energia. A sequência interminável de golpes não dava espaço para ele recuperar o fôlego!

Kang-jun se movia desesperadamente tentando evitar qualquer dano. Um golpe decisivo poderia matá-lo, então ele usou toda a sua experiência para desviar dos golpes e retaliar. De vez em quando, Kang-jun conseguia executar um ataque nela.

Não era simplesmente devido à agilidade e reflexos excelentes dele, mas principalmente pela posição e movimentação dos seus pés. Era difícil para a Rainha Naga prever para onde Kang-jun se movimentaria. Sempre que ela falhava em acompanhar o movimento de Kang-jun por sequer um momento, haveria um flash. O golpe iria causar um dano considerável à Rainha Naga.

Depois de receber mais um golpe, a Rainha Naga cambaleou um pouco.

— Maldito! Você é um espadachim surpreendente. No entanto, ainda não é suficiente. Se eu tivesse um pouco mais da minha força restando, você já estaria morto.

Assim como o clone, a Rainha Naga tinha orgulho de sua habilidade no manuseio da lança. Ao mesmo tempo, ela estava curiosa sobre o estilo de Kang-jun e via ele como um concorrente.

Kang-jun olhou para ela silenciosamente. Na verdade, ele não tinha muita energia para responder. Ele não sabia quantos ataques ele tinha recebido. Ele também já tinha perdido a conta de quantas vezes ele tinha usado a Fenda Celestial.

O problema era que ele agora não tinha mais mana! Ele tinha poções, mas ele seria perfurado pela lança da Rainha Naga antes de conseguir beber uma delas.

Merda! Ela é realmente forte. Apesar de estar ferida severamente, ela ainda consegue lutar tão bem.

De qualquer forma, ele tinha sobrevivido até aquele momento. Sua mana estava esgotada, mas ele tinha metade de seus pontos de vida sobrando. Ele foi aos poucos sofrendo cortes pela lança da Rainha Naga, mas não tinha levado nenhum golpe crítico.

Quanto tempo ele poderia suportar daquela forma?

Este era um lugar de onde não se podia escapar a menos que um dos lados estivesse morto. Caso contrário, seria impossível sair daquela barreira. Claro, seria possível sair dali se ele morresse. Porém, nesse caso, ele não poderia mais voltar ali. Ele já tinha ouvido aquele detalhe de Heksia, então Kang-jun sabia que, enquanto nenhum deles vencesse, eles ficariam presos naquele estado. Ele podia inclusive não acordar para a realidade, ficando preso no mundo de Hwanmong.

Portanto, ele tinha que terminar com aquilo rapidamente. Matar a Rainha Naga, mesmo que ele tivesse que morrer para isso. Claro, Kang-jun estava obviamente querendo matar a Rainha Naga, sem ter que morrer. Ele não queria morrer se não fosse absolutamente necessário. Ele lutaria com tudo o que tinha.

Os olhos de Kang-jun brilharam com determinação enquanto ele olhava para a Rainha Naga. Naquele meio tempo, os olhos dela também estavam determinados enquanto ela teve uma linha de raciocínio parecida.

— Eu vou te eliminar agora, soberano humano.

— Essa frase é minha!

A espada de Kang-jun e a lança da Rainha Naga colidiram novamente.

*Chang! Chachachang! Kakang!*

Kang-jun bloqueou os ataques da Rainha enquanto contra-atacava. Depois de um tempo, Kang-jun começou a se acostumar um pouco mais com o padrão de ataque da Rainha Naga e parou de sofrer tanto, principalmente quando a força e velocidade diminuíram devido à exaustão gerada pelos ferimentos letais.

Em um certo momento, a espada de Kang-jun abriu um corte no antebraço direito dela.

*Clang!*

— Ugh!

Sua lança caiu no chão com o golpe.

— Hun?!

A Rainha parecia mais confusa sobre deixar cair a lança do que com a dor. Kang-jun sorriu e mandou a espada em direção ao coração dela. Ao mesmo tempo, a Rainha Naga estendeu a mão esquerda.

*Syuk!*

Ela estava segurando um objeto que parecia um punhal, e o enfiou no peito de Kang-jun se utilizando do próprio impulso dele.

*Crash*

— Ugh!

A arma afiada e pontuda da Rainha Naga perfurou a Armadura Completa do Lorde Carniçal e se afundou na carne de Kang-jun. Felizmente, a arma não tinha chegado ao coração, ainda.

Isso porque a espada de Kang-jun também tinha penetrado no peito da Rainha Naga. A arma dele também estava bem perto do coração dela, mas Kang-jun não podia avançar mais.

Ambos pararam por instinto.

*Churuk!*

O sangue escorria livremente do peito de Kang-jun, mas também da Rainha Naga.

Nenhuma das feridas era fatal, ainda. No entanto, uma vez que as armas já haviam rompido a armadura dos dois, eles estavam vulneráveis ​​ao ataque do inimigo. Se qualquer um deles usasse um pouco mais de força, avançando, o adversário iria morrer. O problema era que, ao fazer isso, ele também estaria atraindo a arma adversária mais para o fundo de seu próprio peito, e também morreria.

Que desgraça!

Kang-jun se surpreendeu com a situação inesperada. Parecia ser o mesmo para a Rainha Naga. Ambos ficaram parados ali como se fossem estátuas de pedra, não podendo avançar sem morrer junto com o inimigo, nem recuar sem ser morto de graça.

Kang-jun pensava interiormente, — O que acontece com a missão se nós dois morremos ao mesmo tempo? Seria concluída?

A missão 14 tinha aparecido pouco antes de ele começar a lutar contra a Rainha Naga.

[Missão 14]

– Destrua a Rainha Naga ferida;

– Recompensa: experiência, 10.000 Nodes, 60 pedras lunares grandes.

Portanto, o nível de Kang-jun subiria imediatamente depois de matar a Rainha Naga. Ele não morreria se subisse de nível. Mas e se ele morresse antes disso? Na verdade, e se eles morressem ao mesmo tempo?

Porém, uma consideração de morte simultânea era impossível. Mesmo se alguém morresse 0,1 milésimo de segundo mais tarde, haveria sempre uma diferença.

Se ele morresse primeiro, ele não receberia nenhuma experiência. A missão seria um fracasso e ele não iria receber qualquer compensação por todo o seu esforço. Portanto, Kang-jun não poderia avançar de forma imprudente.

Por outro lado, a Rainha Naga também não podia acreditar naquela situação. Não importava o quão ferida ela estivesse, ela nunca imaginou que um soberano que nem sequer era um oficial do exército seria páreo para ela. Ela também não podia se mover de forma imprudente. Mesmo que ela o esfaqueasse primeiro, Kang-jun iria cravar sua espada mais fundo no coração dela, e ambos acabariam morrendo.

Eu não quero morrer. Eu não posso morrer. — Como um membro do exército do Segundo Rei Demônio, ela iria ressuscitar na frente dele imediatamente depois de morrer. Não era uma ressurreição completa, mas apenas uma ressurreição da alma. O Segundo Rei Demônio teria que conceder a ela uma grande quantidade de poder mágico para que ela recuperasse o seu corpo e poder. No entanto, o Segundo Rei Demônio estava em guerra e não podia se dar ao luxo de perder grandes quantidades de poder mágico.

Na melhor das hipóteses, ele iria usar uma quantidade limitada de energia para transformá-la em um espírito maligno, assim como fez com o Lorde Carniçal. Além disso, ela iria passar por uma punição horrível. O Segundo Rei Demônio castigava terrivelmente os subordinados que foram derrotados. Havia casos em que um Lorde era separado de seus subordinados por centenas de anos, ou recebia todos os tipos de tortura e de correção, ou até casos em que seria confinado por milhares de anos em uma prisão Aok.

O Segundo Rei Demônio não perdoava a derrota. Particularmente, ela nunca foi uma rainha que concordava com as ações de seu senhor, sendo provável que ela recebesse uma penalidade além de sua imaginação. A Rainha Naga tremeu ao pensar naquilo.

Ela não podia morrer. Ela absolutamente não poderia ser derrotada. Ela não queria sofrer o terrível castigo nas mãos do Segundo Rei Demônio.

Não, eu tenho que ficar longe dele, mesmo que eu esteja morta…

No entanto, isso era impossível. Ela era a rainha dos nagas, Melinad. Ela foi derrotada em uma guerra contra o Segundo Rei Demônio e jurou lealdade eterna na condição de que ele poupasse o povo dela. Seu sacrifício salvou milhões de nagas. Como resultado, ela se tornou um membro do exército do Segundo Rei Demônio.

Desde então, a Segundo Rei Demônio quebrou, de certa forma, a promessa que fez a ela. Embora ele tivesse poupado as nagas naquele primeiro momento, ele as enviou para serem sacrificadas no campo de batalha posteriormente.

Melinad tinha sido enganada pelo Segundo Rei Demônio, mas não havia nada que pudesse na qualidade de membro leal dele, por causa da promessa. Devido ao vínculo eterno, ela não poderia escapar do Segundo Rei Demônio, a menos que ele próprio a libertasse. Nem mesmo a morte permitiria que ela escapasse de tal destino.

Se o Segundo Rei Demônio ganhasse esta guerra, ele talvez a recompensasse com a liberdade. O Segundo Rei Demônio era severo com os perdedores, mas generoso com os vitoriosos.

Assim, Melinad não podia morrer ali.

De repente, ela olhou para Kang-jun e disse:

— Por favor, morra!

Kang-jun ficou pasmo. Morrer? Ela estava pedindo para ele morrer?

— Eu quero te perguntar isso! Você não pode simplesmente desistir e morrer?

— Eu não posso fazer isso.

— Nem eu.

Kang-jun bufou. Como ele poderia simplesmente morrer ali? Mesmo que fosse inevitável ele morrer, ele não iria desistir de sua vida por vontade própria.

Ambos ficaram em silêncio por um tempo. Melinad não disse mais nada porque ela sabia que seu pedido era ridículo. No entanto, eles não podiam permanecer nesse estado para sempre. Nenhum dos dois podia relaxar por medo de que o adversário fosse enfiar sua arma mais fundo.

No final, Melinad abriu a boca novamente:

— Pode ser um pouco estranho eu estar dizendo isso, mas você vai reviver se você morrer. No entanto, estou em uma situação muito mais complicada.

Kang-jun não respondeu. Mesmo assim, Melinad continuou. Ela contou que o Segundo Rei Demônio iria submetê-la a um castigo terrível se ela fosse derrotada.

Como assim? Apelando para a minha consciência agora?

Claro, Kang-jun não tinha nenhuma intenção de desistir de sua vida, não importava o quanto de piedade ele sentisse por Melinad. Embora Melinad estivesse pedindo de forma emotiva, a voz dele estava totalmente apática:

— Então por que você se juntou ao Segundo Rei Demônio, para começo de conversa?

— Eu não tive outra escolha para salvar meu povo. Eu deveria ter simplesmente morrido em seguida.

A expressão de Melinad estava cheia de remorso. Milhões de nagas haviam morrido e agora havia apenas 800 deles vivos. Se ela soubesse que isso iria acontecer, ela não teria feito aquele acordo. Pelo menos sua alma não seria escravizada eternamente.

— Foi ingênuo acreditar na promessa do Rei Demônio. De qualquer forma, isso é um problema seu.

— …

— Sua situação não vai mudar mesmo que eu morra. Eu só preciso voltar depois de ressuscitar e terminar o serviço.

A expressão de Melinad se alterou com aquelas palavras, enquanto ela bradava de volta:

— Não, a situação não será a mesma se você voltar mais tarde! Eu posso ter cometido um erro hoje, mas na próxima será diferente.

Ela estava convencida de que ela não seria derrotada novamente.

— Isso é ridículo! Mais comandantes virão e você eventualmente será derrotada.

— Hunf! Você está delirando se você acha que eles podem me vencer.

— Você vai ver se eu estou delirando ou não quando eu voltar.

Então, Kang-jun entendeu que não adiantava. Continuar aquela conversa não iria levar a lugar nenhum. Kang-jun não tinha a intenção de morrer, e o mesmo se aplicava à Rainha Naga.

A situação tinha que mudar de alguma forma. O tempo passou enquanto eles seguravam as armas incrustadas no peito um do outro. Ele não sabia quanto tempo se passou, até que teve uma ideia, e algo surgiu para ele.

A expressão de Kang-jun demonstrou surpresa, mas em seguida sagacidade, e ele abriu a boca e declarou:

— Vou te soltar com uma condição.

Os olhos de Melinad se arregalaram. Kang-jun olhou para ela e perguntou:

— Você quer se tornar minha subordinada?

Vermillion
Domina Inglês e Português. Spymaster nas horas vagas.
FONTE
Cores: