LAB – Capítulo 63 – 3Lobos

LAB – Capítulo 63

Velha história

Rouxinol, nessa época ainda Verônica, passou toda a sua infância na Cidade da Prata e esse foi o período mais feliz de sua vida.

No entanto, esse tempo maravilhoso só durou até aquele fatídico inverno, até ela completar 14 anos. Naquele inverno, os refugiados iniciaram uma revolta na Cidade da Prata. Seus pais foram distribuir comida, mas nunca voltaram. Rouxinol e seu irmão foram enviados para a casa do irmão de seu pai, uma outra parte da Família Gilen.

Este também foi o inverno que Rouxinol despertou suas habilidades como bruxa.

Ela cuidadosamente escondeu suas habilidades, mas no fim, acabou sendo descoberta pelo Sr. Gilen, que imediatamente separou Rouxinol de seu irmão. Usando a vida de seu irmão para ameaçá-la, Rouxinol não teve escolha a não obedecer às ordens de seu tio. O Sr. Gilen enviou Rouxinol para a guilda dos ladrões e a fez passar por um treinamento severo. Mais tarde, ele obrigou Rouxinol a fazer coisas escusas, como entrar nas casas de seus inimigos para roubar contratos comerciais e outras coisas importantes, além de bisbilhotar reuniões na prefeitura. Ela até teve que ir às casas de alguns potenciais concorrentes e colocar veneno em seus tanques de água.

O negócio de Família do Sr. Gilen cresceu cada vez mais, mas a atitude dele para com Rouxinol foi gradualmente piorando até ficar insustentável. Se ela cometesse o menor erro, ela seria mandada embora. Se Rouxinol não estivesse realizando algum trabalho para o Sr. Gilen, ele fecharia Rouxinol em uma sala em sua casa, que tinha sua porta trancada com barras de ferro. O que deixava Rouxinol mais triste e confusa era o fato de que ela não conseguia ver seu irmão Hyde. Ela começou a suspeitar que o Sr. Gilen já havia matado seu irmão.

Tendo dado ordens repetidas o suficiente a Rouxinol, Sr. Gilen finalmente trouxe seu irmão mais novo até ela. No entanto, quando Hyde viu Rouxinol, teve um olhar cheio de desgosto e disse que nunca mais queria vê-la, porque como uma bruxa e a companheira do diabo, ela deveria ir para o inferno.

Ao ouvir isso, o mundo de Rouxinol entrou em colapso, mas o pesadelo não terminou por aí. Tudo isso foi orquestrado pelo Sr. Gilen. O fato de que Rouxinol tinha se tornado uma bruxa era um segredo, mas além do Sr. Gilen contar para Hyde que sua irmã tinha se tornado uma bruxa, ele ainda incentivou o jovem a se afastar dela, e quanto o mais longe fosse, melhor seria.

Depois que Hyde deu adeus a Rouxinol, o Sr. Gilen ameaçou Rouxinol dizendo que Hyde herdaria o título de seu pai, mas se ela não continuasse a obedecer suas ordens, ele faria seu irmão morrer em silêncio.

Desta forma, Rouxinol ficava cada vez mais triste e desesperada, se transformando em uma marionete manipulada pela Família Gilen. No dia em que ela se tornou uma adulta, ela tinha que completar uma tarefa para a família e estava a caminho de casa quando conheceu Wendy. Ou, mais precisamente, Wendy a encontrou.

Wendy contou a Rouxinol tudo sobre a Associação Cooperativa das Bruxas e disse que havia muitas pessoas que passaram por experiências semelhantes como a de Rouxinol, mas essas irmãs não haviam desistido. Ao ouvir isso, o coração destruído de Rouxinol de repente acendeu com uma nova centelha de vida.

Ela não precisou de muito tempo para transformar seu desespero e confusão em determinação. Uma semana depois de se tornar adulta, ela já havia superado a tortura do diabo, forçando sua magia a sofrer grandes mudanças. Seu mundo de névoa não escondia mais apenas sua figura, mas também impedia as barras de ferro de segurá-la.

Quando ela finalmente se recuperou de todas as aflições do dia em que se tornou adulta, ela entrou em seu mundo de névoa para entrar no quarto do Sr. Gilen, pegar uma faca e cortar sua garganta. O Sr. Gilen soltou alguns gritos agudos, e em seguida, apenas o som das bolhas de sangue borbulhando podiam ser ouvidas. Durante toda a cena, Rouxinol descobriu que ela estava muito mais calma do que esperava.

Então, Wendy e Rouxinol deixaram a Família Gilen. Quanto ao seu irmão Hyde, ela o ignorou e não queria mais vê-lo.

Depois disso, ela e Wendy começaram sua jornada para a Associação Cooperativa das Bruxas.

Quando Rouxinol chegou ao fim de sua história, ela esperou por um momento, mas quando sentiu que Roland ainda estava imerso em seu passado, ela saiu da sala para a noite afora.

Quanto a Roland, depois de um longo tempo, finalmente ele se lembrou de que Rouxinol disse uma vez que toda bruxa tinha uma longa história de amargura. Se pudessem chegar até o seu dia da idade adulta, elas poderiam até ser consideradas sortudas.

Quando Roland cruzou os mundos, teve a sorte de se tornar um príncipe.

Na manhã seguinte, Roland foi visitar Wendy no quarto de Rouxinol.

Depois de uma noite de repouso, a cor de Wendy parecia muito melhor e o braço anteriormente ferido parecia totalmente curado. Apesar de ainda estar fraca, sentou-se e se curvou para prestar reverência ao Príncipe.

— Eu já sei sobre você, obrigado por salvar a vida de Rouxinol. — Roland tirou um pergaminho do bolso e foi direto ao ponto — Não há dúvidas de que com Kara como sua líder, será impossível para você retornar à Associação Cooperativa das Bruxas. Então, seria melhor para você ficar em Vila Fronteiriça e trabalhar para mim. Se você concordar, você só precisa colocar sua assinatura neste contrato. Você receberá o mesmo salário que Anna, e todos os meses você receberá uma peça de ouro.

— Vossa Alteza … — Rouxinol piscou hesitante.

Roland sabia o que ela queria dizer. Afinal, isso mudaria sua vida. Além disso, depois que Wendy salvou sua vida nas montanhas, Rouxinol não queria que Roland a forçasse a tomar uma decisão imediatamente. No ponto de vista de Rouxinol, se Wendy permanecesse em Vila Fronteiriça por algum tempo, ela certamente ficaria ao seu lado.

— Eu também gostaria que você não fosse forçada a falar sobre isso com tanta pressa, mas algumas coisas acabam se tornando mais e mais perigosas a cada dia que passa. — Roland parou por um momento, mas Wendy não o interrompeu e esperou silenciosamente ele continuar — Eu acredito que descobri um método para uma bruxa sobreviver ao seu dia de despertar sem qualquer dor.

Esta observação fez as duas bruxas gritarem alto em uníssono:

— O quê?

— É apenas a minha especulação e não há evidências tangíveis — Roland apaziguou—, mas acho que sei o motivo pelo qual as bruxas no acampamento sofreram menos dor comparadas com a sua vida escondida. A única diferença entre ambas as situações era que quando estavam escondendo sua identidade como bruxa, elas não usavam seu poder mágico, mas durante sua vida no acampamento, elas precisavam usar sua habilidade para manter os afazeres diários.

Wendy acenou com a cabeça.

— Você … está certo.

— E no caso de Anna, ela treinou sua habilidade diariamente antes do dia em que se tornou uma adulta, e ela até caiu em coma porque esgotou seu poder mágico. Quando ela finalmente recuperou a consciência, ela superou o obstáculo mais difícil como uma bruxa e mesmo sem ferimento algum.

— Então, acho que essa é provavelmente a chave para conquistar a tortura do diabo que ataca o corpo de uma bruxa. Eu acredito que uma bruxa é uma espécie de recipiente mágico, e durante a adolescência, a bruxa sempre está acumulando magia. Quando essa magia ultrapassa o nível de tolerância de seu corpo, isso causa danos ao próprio corpo da bruxa. A tortura do diabo é datada como o dia de despertar da bruxa, logo, o momento mais poderoso dela.

— Então, se uma bruxa puder liberar sua magia continuamente, e constantemente manter a magia em um nível seguro, talvez a tortura que a bruxa precisa que passar durante o dia do despertar seria bastante reduzida, ou mesmo desapareceria completamente.

Roland fez uma pausa por um momento para deixá-las pensar, e então ele continuou:

— Como Lorde de Vila Fronteiriça, posso oferecer às suas bruxas um lugar seguro para usar sua magia. Ninguém vai prender vocês, enviar para a forca ou mesmo matar uma bruxa por usar os seus poderes, pura e simplesmente. Se o meu palpite estiver correto, então não há dúvidas de que Vila Fronteiriça será o fim de sua longa busca pela Montanha Sagrada.

Uma bruxa ensinou desde o início que sua capacidade perigosa foi dada pelo diabo. Após um sofrimento infinito, a bruxa sentiria que não era sua própria força, mas sim que seu poder era uma maldição, começando um círculo vicioso. Quanto mais a bruxa não quisesse usar sua magia, mais forte seria a tortura. Assim que Roland transmigrou, sua atitude em relação a esse poder era completamente oposta. Depois de passar pelas memórias do antigo 4º Príncipe e excluir a existência de um Deus, ele simplesmente viu a magia como uma espécie de energia, uma energia que era controlada pela própria força de vontade da usuária.

Wendy ficou em silêncio por um longo tempo, mas então ela perguntou:

— Quando eu assinar o contrato e concordar em trabalhar para você, então eu quero saber primeiro … o que eu preciso fazer por você?

Durante os últimos séculos, por causa de suas habilidades únicas, algumas bruxas foram compradas por algumas pessoas ambiciosas e foram secretamente presas, usadas como ferramentas de consumo. Embora a Igreja procurasse e punisse tal comportamento, ainda era difícil proibir. Além disso, eles costumavam ser implacáveis ​​para com as bruxas. Uma vez que perdessem seu valor, seus destinos poderiam ser descritos como um espetáculo horrível demais até mesmo para suportar.

Claro, Roland também tinha ouvido falar desses casos, mas ele gostava dos interesses a longo prazo e acreditava que esta era uma situação vantajosa para todos. Então, ele sorriu e respondeu:

— A primeira coisa que você precisa fazer é praticar sua habilidade várias vezes até que você a compreenda completamente, assim como Anna.


JZanin
Professor de Química, mestre e jogador de RPG sem tempo.
FONTE
Cores: