LAB – Capítulo 61 – 3Lobos

LAB – Capítulo 61

Retorno

Quando Roland se agachou para instalar a base do novo motor a vapor, três figuras surgiram repentinamente pelo ar. Elas pousaram, cambaleando, e quando estavam próximas a ele acabaram caindo sobre seus pés.

Anna ficou tão assustada que imediatamente criou uma barreira de fogo verde para proteger Roland dessas figuras estranhas.

Quando Roland olhou melhor para essas pessoas, ele percebeu que uma das mulheres era a tão aguardada Rouxinol. Só de olhar para seu rosto já se percebia que ela estava exausta. Suas bochechas estavam extremamente vermelhas, então, obviamente, ela estava correndo neste tempo frio e contra o vento por um longo tempo. Mas apesar de todo o vento contra, sua testa estava coberta de suor.

Rouxinol levantou a cabeça e chorou com ansiedade visível.

— Vossa Alteza, por favor, chame Nana para vir até aqui! Precisamos dela imediatamente!

Roland observou melhor e percebeu que a mulher amarrada nas costas de Rouxinol estava muito pálida e com seus olhos fechados. Ela estava enrolada em roupas que já estavam num tom vermelho-escuro devido ao sangramento, com um braço quase amputado.

Ele reagiu imediatamente e gritou para o guarda:

— Cardin, vá correndo até o hospital de campanha e busque Nana agora!

— Sim, Alteza. — O guarda respondeu enquanto corria.

Além dessas duas, havia também uma jovem que estava ajudando Rouxinol a ficar em pé. Parecia que ela não estava com problemas, e estava olhando com olhos cheios de curiosidade.

— Você não está ferida, Rouxinol? — Roland deu um passo à frente para desatar a mulher com o braço ferido das costas de Rouxinol.

— Estou bem, Vossa Alteza, coff coff … sinto muito, não consegui trazer minhas irmãs da Associação Cooperativa das Bruxas. — Rouxinol estava ofegante, com a voz muito fraca. Aparentemente, ela teve uma jornada muito longa e estava beirando à exaustão.

— Tudo bem, você não precisa dizer mais nada. O que você precisa agora é descansar. — Roland pegou a mulher inconsciente e ferida e deixou Anna levar Rouxinol. Assim, as cinco pessoas foram para o castelo.

Rouxinol tinha o quarto ao lado de Anna, então, quando eles chegaram no castelo, ele imediatamente ordenou que as empregadas acendessem a lareira no quarto dela e também trouxessem uma bacia de água quente. Assim que Nana chegou, Roland começou explicando o que aconteceu e depois saiu do quarto. Assim, Nana começou a limpar a ferida e tratar Wendy.

Enquanto ela não estivesse morta, Nana seria capaz de curar todas as feridas como se elas nunca tivessem acontecido, então o problema não era se Nana conseguiria ou não salvar a vida de Wendy. Embora Rouxinol tenha cuidadosamente amarrado o braço, a circulação sanguínea foi cortada há muito tempo, então Roland não tinha certeza se o braço poderia ser salvo. A limpeza e o tratamento das feridas exigiam despir o paciente, por isso que Roland saiu da sala conscientemente, como um bom cavalheiro.

Como que chegou nesse ponto? — Roland perguntou a si próprio. Será que o acampamento das bruxas foi atacado por bestas demoníacas e não havia mais ninguém que pudesse salvá-las? Se isso fosse verdade, então seria uma grande perda.

Roland estava encostado na porta e muito nervoso. Cerca de meia hora depois a porta foi aberta e a primeira pessoa que saiu era a garota desconhecida que parecia sã e salva, e que estava junto com Rouxinol.

Quando Raio viu Roland esperando do lado de fora da porta ansioso, ela assentiu e disse:

— Você é exatamente como Rouxinol descreveu.

— … — Roland não sabia como reagir à essa frase, então perguntou — O que ela disse sobre mim?

— Um príncipe que se importa com nós, as bruxas. — Ao responder à sua pergunta, a menina fechou levemente a porta, ficando do lado de fora — Infelizmente, a notícia era tão inacreditável que a maioria das bruxas não acreditaram no que Rouxinol disse. Na verdade, eu também não acreditava nela, mas é exatamente como o meu pai sempre dizia ‘O mundo é muito grande e tem todos os tipos de pessoas’. Meu nome é Raio, Vossa Alteza, prazer em conhecê-lo.

Quando ela terminou de falar, inclinou a cabeça e colocou a mão direita no ombro esquerdo, sendo provavelmente a reverência que conhecia.

No entanto, Roland não prestou atenção na reverência, mas sim na parte mais importante que era ‘a maioria das bruxas não acreditaram no que Rouxinol disse’.

— Então a Associação Cooperativa das Bruxas não foi atacada por bestas demoníacas?

— Atacada? Não … ah … por que você pensaria nisso? — Ela acenou com a cabeça enquanto pensava, mas então, de repente, colocou o dedo indicador em sua testa, revelando uma expressão que indicava que tinha compreendido algo — Ah sim, entendi. Aquela nossa irmã com o braço quebrado é a Wendy. Ela foi atacada pela nossa própria mentora, Kara.

Então, Raio começou a contar a história.

Depois de ouvir o que aconteceu, Roland ficou em silêncio e pensou — então tudo aconteceu assim … realmente, eu subestimei a cruel opressão que as bruxas enfrentam durante toda vida. Depois de ter acumulado tanta crueldade todos estes anos, parece que o ódio entre as bruxas e o clero da Igreja atingiu seu auge. Esta Kara, é uma das extremistas.

Roland teve a impressão de que a primeira coisa que a líder da Associação Cooperativa das Bruxas faria quando tivesse o poder, seria erradicar as outras pessoas exatamente como fizeram ao longo dos anos com as bruxas.

Mas, felizmente, Rouxinol ainda conseguiu retornar com segurança.

E não só isso, ela ainda trouxe duas novas bruxas com ela para Vila Fronteiriça. Quanto à casa das bruxas, Roland pensou e decidiu que ainda deixaria Karl construir. Mesmo que não precisassem no momento, ainda havia a possibilidade de que o número de bruxas aumentasse.

— Então você também é uma irmã da Associação Cooperativa das Bruxas?

— Não mais. — Raio suspirou e depois continuou — É o mesmo para Wendy e Rouxinol. Agora que nós saímos de lá é impossível voltar. Receio que Kara não consiga engolir seu orgulho.

— Será que ela vai sobreviver, depois de Rouxinol ter atacado ela? — Roland perguntou incrédulo.

— Provavelmente. No acampamento nós temos uma bruxa chamada Ramos, que pode aumentar muitas vezes a eficácia das ervas — Raio explicou —, multiplicando o efeito de algumas gramíneas hemostáticas e transformando-as em um remédio que ajuda a repor o sangue. Por isso, salvar a vida de Kara não deve ser um problema, mas comparado com a sua bruxa que tem a habilidade de curar, o efeito é inferior.

Sabendo disso — Roland pensou — parece que tenho mais uma pedra no sapato. Não basta eu me preocupar com a Igreja, agora eu também preciso me preocupar com as bruxas. Felizmente o objetivo delas é buscar a Montanha Sagrada, então eu espero que a ideia de virem atrás de Rouxinol não seja tão importante assim.

— Antes você tinha dito que não acreditou nas palavras de Rouxinol, então por que você abandonou a Associação Cooperativa das Bruxas e foi embora com ela?

— Porque você tem uma máquina que sopra uma fumaça branca e preta, e que você também pode juntar pedras com um pó cinza e até mesmo tem um pó que é capaz de dividir montanhas com um som estrondoso! — Raio repetiu exatamente as mesmas palavras que havia dito a Rouxinol — Talvez não existisse um príncipe que fosse bom para as bruxas, mas ela não teria mentido para mim, porque é impossível inventar essas coisas de forma tão real, pelo menos foi isso que minha intuição de exploradora disse. E só de ver essa monstruosidade ali soprando essa fumaça branca, mostra que eu estava certa. Essa monstruosidade, Rouxinol disse que é … um motor a vapor, certo?

— Exploradora? — Roland ignorou automaticamente a última pergunta.

— Sim, exploradora! — Raio enfatizou a palavra — Esta é a razão pela qual eu escolhi seguir Rouxinol. Todos os exploradores são curiosos sobre o desconhecido.

Roland suspirou secretamente enquanto pensava — O que devo fazer com essa bruxa? Alguém como ela só poderia sobreviver nessa idade se for de uma família rica. Se alguém olhar para ela vai pensar que ela é um moleque, não só pelas roupas, mas também pelos cabelos loiros que são curtinhos.

— Você tem certeza de que seu nome não é Izawa Riel[1]?

— Quem é essa? Não, meu nome é Raio. — A menina explicou com orgulho.

Neste ponto, a porta se abriu mais uma vez e Anna e Nana saíram.

— E então? — Roland perguntou — Deu tudo certo? Ela está curada?

Ao ver Nana assentir, Roland finalmente conseguiu se sentir aliviado. Geralmente, um membro precisava ser reconectado dentro de seis a oito horas. Após este tempo, a taxa de sucesso seria muito reduzida. Como Raio disse que elas levaram mais de um dia para viajar do acampamento para Vila Fronteiriça, a chance de salvar o braço já era muito pequena. Seria quase impossível reconectar os nervos pela cirurgia convencional. Isso mais uma vez mostrou a capacidade de cura inacreditável de Nana.

Agora, a jovem bruxa também estava cansada. Parece que o tratamento custou um grande esforço de Nana. Então Roland tentou encorajar as bruxas:

— Todas vocês trabalharam duro hoje, então, depois de jantarem, vocês duas podem dormir aqui com Anna.

Claro, isso significa que o Sir Pinheiro também dormiria no castelo.


 

 

[1] Izawa Riel é o nome usado na china do personagem Ezreal de League of Legends®.

JZanin
Professor de Química, mestre e jogador de RPG sem tempo.
FONTE
Cores: