LAB – Capítulo 58 – 3Lobos

LAB – Capítulo 58

Fuga

Rouxinol não sabia quanto tempo tinha passado, mas quando ela acordou descobriu que suas mãos estavam amarradas em uma estaca de madeira, bem como sua cintura e seus pés. Ela tentou se libertar lutando, mas seu corpo estava amarrado àquela estaca com tanta força, que ela estava totalmente imobilizada.

O próximo passo foi tentar usar sua habilidade mágica, mas ela não conseguiu sentir aquele sentimento familiar ao alcançar seu poder. Privada de seus poderes e amarrada à estaca de madeira, Rouxinol estava completamente imobilizada. Quando olhou para baixo ao longo de seu corpo, viu que uma pedra prismática transparente estava pendurada em seu pescoço.

— Finalmente você acordou. — Kara caminhou na frente dela e começou a falar com Rouxinol — O que você acha do meu veneno petrificante? Honestamente, eu tinha muitas esperanças de você, Rouxinol, no entanto, infelizmente, parece que você não está à altura das minhas expectativas.

— … — Rouxinol não sabia como responder imediatamente, mas ela respirou fundo e falou — Você estava realmente escondendo um Medalhão da Retribuição Divina. Kara, você ainda sabe o que está fazendo?

Esta pedra era originalmente os grilhões usados ​​pela Igreja para suprimir as bruxas, mas agora a sua própria mentora tinha usado contra ela, da mesma forma que a Igreja! Contudo, o que mais deixava Rouxinol irritada era o olhar indiferente das outras bruxas, como se não houvesse nada de errado em toda essa situação.

— Maldita seja — Rouxinol chorou no fundo do coração —, você não percebe que se transformou no que nós, as bruxas mais odiamos?

— Esta é apenas uma ferramenta, que ocasionalmente será usada para punir meninas ruins que não sabem ouvir. — Kara explicou com indiferença — E você, Rouxinol, é uma dessas meninas que precisa ser punida, ou … devo chamar você de Veronica? Nascida em uma família nobre, reduziu-se a uma bruxa, mas ainda pensa em ascender na hierarquia social novamente …

— Eu não sei do que está falando.

— Você me decepcionou. Quando Wendy salvou você das garras da aristocracia, pensei que você ficaria firme ao nosso lado, a Associação Cooperativa das Bruxas. Mas, olhe o que você está fazendo agora mesmo, justo quando estamos prestes a descobrir a Montanha Sagrada, você quer nos impedir de alcançar nosso objetivo! — Kara balançou a cabeça e riu alto, mas depois continuou — Tentando levar nossas irmãs com você até o Príncipe? Você ficou em cativeiro há muito tempo e parece que a servidão se enraizou tão profundamente no seu ser, que você só consegue viver quando está sob o julgo de um mestre, não é mesmo? Ou então … você quer apenas vender nossas irmãs aos nobres, em troca de uma boa posição na aristocracia!

— Tudo o que faço é pelas minhas irmãs. — Rouxinol teve que engolir sua raiva, pois gritar não ia fazer diferença, então ela disse com calma — Meu desejo é que ninguém tenha que morrer durante o dia de seu despertar, que todas nós possamos viver uma vida sem preocupações básicas, como ter o que vestir e mesmo o que comer dia após dia. Eu nunca pretendi parar o seu plano, mas nós, irmãs, devemos ter o direito de escolher livremente o nosso próprio modo de vida. Agora mesmo, Vila Fronteiriça está passando por tremendas mudanças, trouxe até o plano de construção do motor a vapor.  Pode operar sozinho, com uma força quase infinita. Com este tipo de máquina, a água dentro das minas pode ser bombeada diretamente, de modo que as pessoas não precisam mais fazer isso todos os dias.

Kara zombou mais uma vez e perguntou pejorativamente:

— Você está falando sobre isso? — Ela virou-se e puxou um rolo de uma pilha de pergaminhos, lançando no chão para que todas pudessem ver — Embora eu não entenda tudo o que está pintado neste pergaminho, quem realmente acreditaria que um monte de ferro frio possa ser colocado junto, numa coisa que pode trabalhar independente como uma criatura viva? Você acha que somos crianças de três anos de idade?!

Ela caminhou até a frente do braseiro e jogou o pergaminho no fogo.

— Não! —Rouxinol gritou em vão, apenas olhando incapaz, com olhos vazios, o pergaminho sendo destruído pelo fogo.

— Minha paciência se esgotou! Essa é sua última chance. — Enquanto Kara ameaçava Rouxinol, ela tirou um espeto de ferro da fogueira que já estava vermelho de tão quente — Se você se declarar culpada na frente de todas as suas irmãs da Associação Cooperativa das Bruxas, admitindo que você foi enfeitiçada pela aristocracia, posso poupar sua vida, mas o chicote é inevitável! Isso será o seu castigo por você cooperar com o inimigo. Mas se você ainda for teimosa, terei que usar este espeto de ferro para perfurar seu coração, pregando seu corpo nele, para que todas as outras possam aprender com seus erros! — Depois de esperar por um segundo, ela continuou — Não desperdice a minha última oferta de misericórdia, diga agora, o que você decidiu?

Kara colocou o ferro quente tão próximo de Rouxinol, que ela podia sentir o calor vindo do espeto. Se ela ainda fosse a covarde de outrora, ela teria se curvado e admitido a derrota. Mas ela já se despediu de seu passado, não sendo mais aquela garota tímida. Agora ela era Rouxinol, uma bruxa poderosa, mesmo diante da morte, ela não cederia!

Então ela apenas fechou os olhos, aguardando a chegada de seu último momento. Ela não sabia o porquê, mas a imagem de Roland apareceu em sua mente, como se pudesse vê-lo com seus olhos à sua frente.

— Pare com isso! — Alguém gritou de repente. Por um momento, Rouxinol hesitou, mas então ela abriu os olhos e viu que era Wendy. Ela saiu da multidão e disse para Kara — Mentora, olhe para o pano branco amarrado em seu braço. Já experimentamos tantas mortes, você realmente deseja adicionar outra?

— O que, até você está sendo enganada por ela? Acorde, Wendy! Tudo o que ela disse são mentiras!

— Eu não sei … — Wendy balançou a cabeça e continuou — Não pretendo ir com ela para Vila Fronteiriça, mas acho que uma das coisas que ela disse está certa. Nós, irmãs, devemos ter o direito de escolher livremente nossa própria vida.

Ela se virou e perguntou ao público:

— Quem de vocês quer ir com ela?

Ninguém dentro da multidão respondeu, perpetuando um silêncio no esconderijo.

— Então, não há problema se ela for embora sozinha — Wendy disse — Ela não prejudicou a Associação Cooperativa das Bruxas, então eu realmente não posso assistir você matar ela.

Rouxinol compreendeu o que Wendy queria dizer, mas mesmo assim ela ainda ficou bastante deprimida em seu coração. Até Wendy não acreditava completamente no que ela havia dito. Então, por isso, manteve o silêncio quando precisava de sua ajuda ao tentar convencer a todas. Mas ela ainda era a bruxa de bom coração e atenciosa, mesmo que ela não concordasse com seu ponto de vista, ela ainda ajudaria de alguma forma.

Após a observação de Wendy, algumas pessoas começaram a sussurrar no meio da multidão, e então algumas pessoas começaram a se pronunciar.

— Concordo, já que ela está disposta a ir embora e voltar para o mundo secular, deixe que ela vá!

— A dor e a Igreja já levaram tantas irmãs para longe de nós. Mentora, pense melhor sobre essa punição.

— Todas vocês, calem a boca! — Kara gritou com raiva — Se eu deixar Rouxinol partir, o que faremos quando uma segunda ou uma terceira Rouxinol aparecer? Além disso, se ela vender a localização do nosso acampamento para a Igreja, nós não teremos mais para onde fugir! — As vozes não se acalmaram, então Kara ergueu o braço para bater em Rouxinol com o espeto de ferro. Contudo, Wendy foi mais rápida, produzindo uma forte brisa de vento, jogando Kara no chão e parando sua tentativa.

Então ela jogou uma moeda no ar, levantou e acenou com a mão, levando o fluxo de ar rapidamente para envolver a moeda e disparando na direção de Rouxinol. Quando o fluxo de ar chegou perto de Rouxinol, ela desapareceu instantaneamente. No entanto, a moeda ainda manteve sua velocidade, atingindo com precisão o Medalhão da Retribuição Divina que estava no pescoço de Rouxinol.

A pedra prismática transparente quebrou instantaneamente.

— Traidora! — Kara gritou furiosamente enquanto levantava do chão. Wendy e Ann pertenciam a seu círculo íntimo e eram as pessoas que ela mais confiava, mas agora uma delas se tornou uma traidora! Por causa da raiva, ela lançou uma cobra feita de sombras que voou com a boca aberta na direção de Wendy, mordendo ela ferozmente no dorso de sua mão.

Neste momento, as cordas caíram no chão e embora estivessem ainda ao redor da estaca, Rouxinol havia desaparecido.

Ao lembrar da habilidade de Rouxinol, Kara sentiu o suor frio escorrendo por suas costas. Ela instantaneamente mobilizou toda a sua magia, criando cobras mágicas que saíam de seu peito, brilhando com todas as variações de cores possíveis. Ordenando as cobras para formar uma parede, ela mesma recuou rapidamente, mas Rouxinol era mais rápida que ela.

Um único passo … apenas um único passo e ela já apareceu atrás da Kara. Empurrando as mãos para frente, o espeto de ferro, que na verdade deveria ter atravessado seu próprio coração, acertou em cheio o corpo de Kara.


Deodoro
Tradutor nas horas vagas. Só joga no hard.
FONTE
Cores: