LAB – Capítulo 44 – 3Lobos

LAB – Capítulo 44

Respostas ocultas

Já era tarde quando Roland voltou para o castelo. Estava nevando fortemente de novo.

Ele foi direto para o quarto, tirou o casaco e sacudiu a neve que ficou presa em seu colarinho. Em seguida, ele pendurou em uma prateleira ao lado da lareira.

— Vossa Alteza, você não acha que está indo muito rápido?

A voz de Rouxinol veio do nada, e então ela se tornou visível para o Príncipe.

— Você diz sobre o que aconteceu hoje com Nana? — Roland serviu uma taça de vinho para ambos. Embora o vinho fosse mais amargo do que ele estava acostumado, aos poucos ele já tinha se acostumado ao seu gosto.

Rouxinol pegou a taça oferecida pelo Príncipe, mas não bebeu, pois estava esperando o Príncipe dar uma resposta mais longa.

— Não haverá um momento mais apropriado do que agora. — Roland disse. Ele bebeu sua taça de vinho de uma só vez, só para encher novamente. — Eu planejava deixar Nana desempenhar um grande papel com a sua habilidade durante os Meses dos Demônios. Assim, seria impossível esconder sua identidade como uma bruxa, de qualquer forma. Ela pode instantaneamente curar ferimentos fatais! Isso não é nada perto do que ervas comuns ou sangrias[1] podem fazer, todo mundo vai querer isso.

— Vila Fronteiriça está na parte mais ao oeste do Reino. Aqui, tão longe da capital, a influência da igreja é muito limitada. Se eu fosse a igreja, eu não estaria disposto a gastar tantas peças de ouro para um lugar que poderia ser abandonado a qualquer momento. — Roland continuou — Além disso, nós não temos nenhuma igreja aqui. O missionário já foi embora com a nobreza de Forte Cancioneiro anteriormente. Sabendo de tudo isso, o que você acha Vila Fronteiriça é? É uma ilha, totalmente isolada do mundo exterior.

— … então este era o seu plano desde o início? — Rouxinol perguntou surpresa.

Roland assentiu.

— A neve que cai sem fim vai bloquear a estrada para Forte Cancioneiro e toda a vila estará em minhas mãos. Temos pelo menos três meses para reverter todo o senso comum de que as bruxas são más. Se dependermos somente do boca-a-boca, o efeito será muito limitado. Então, temos de confiar em experiências da vida real, a fim de eliminar rapidamente o ódio causado pela ignorância e incompreensão.

Essa era a razão do porquê ele queria que todos pensassem que foi Nana quem resgatou Brian. Ele queria criar uma imagem diferente de Rouxinol.

Existia uma lenda de uma enfermeira que fez um esforço tremendo para cuidar de pessoas feridas, resultando na diminuição incrível da taxa de mortalidade dos feridos de 42% para 2%. Assim, os soldados deram a ela o título de Senhora da Lamparina, e a popularidade de toda a profissão de enfermaria tinha sido elevada à categoria de adoração.

A capacidade de Nana para curar tinha mais a oferecer do que apenas curar os feridos. Desde que não morresse no local, Nana poderia restaurar completamente o ferido como se nada tivesse acontecido. Isso elevaria a moral da milícia de uma forma tão grande que nem mesmo as novas armas de Roland eram capazes de fazer.

Ao mesmo tempo, graças ao declínio de sua família dentro das fileiras da aristocracia, seu pai tinha que lidar com caçadores e agricultores, muitas vezes durante a semana. Devido a isso, ele teve uma atitude muito calma e gentil para com os civis normais, e ainda permitiu que Nana frequentasse o colégio de Karl para aprender com ele. Este tipo de ato era absolutamente impensável até mesmo para o menor dos Barões, pois eles jamais concordariam que seus filhos tivessem algo a ver com os camponeses. Aos olhos dos camponeses, os filhos da aristocracia eram intocáveis.

— Isso … nós realmente podemos fazer isso? — Quando enfrentava um grande monstro como a Igreja, até mesmo Rouxinol se sentia extraordinariamente pequena e fraca.

— Se nós nunca tentarmos mudar, nós nunca saberemos a resposta.

Roland não esperava que ele fosse capaz de alterar o senso comum e a visão de todos os habitantes de Vila Fronteiriça, mas ele tinha a esperança de pelo menos plantar sementes dentro dos corações de alguns e conseguir uma pequena equipe de apoiadores. Mais tarde, ele iria nutrir essas sementes, para deixá-las crescerem e se multiplicarem.

Dentro de três meses, muitas mudanças poderiam ocorrer.

Rouxinol pensou sobre isso e, em seguida, sussurrou:

— Por que você quer sair desse senso comum, das massas e nos ajudar … ajudar as bruxas?

Para utilizar o seu poder na obtenção de recursos, tornar-se mais poderoso e ter uma chance melhor de ganhar o trono. É claro, todas estas respostas não eram adequadas para dizer em voz alta. Mesmo assim, Roland era um engenheiro mecânico e já tinha passado por diversos relacionamentos em sua vida, então ele poderia até mesmo ser visto como um veterano que sabia muitas coisas. Assim, com a experiência de ter vivido por mais de quarenta anos em dois mundos diferentes, ele sabia que desta vez ele tinha que enfrentar uma questão crucial e dar a resposta certa.

Então ele pensou cuidadosamente sobre suas próximas palavras e disse lentamente:

— Eu não disse a você, mas eu realmente não me importo com o passado de qualquer habitante de Vila Fronteiriça. Espero que um dia, no meu território, mesmo bruxas possam viver uma vida tão livre como qualquer outra pessoa.

Desta vez Rouxinol ficou em silêncio por um longo tempo e o único som no quarto era o crepitar da lenha queimando. Seu rosto, destacado pelas chamas bruxuleantes, era como uma imagem de outro mundo.

Quando ela falou de novo, Roland teve tempo suficiente para libertar-se daquela bela ilusão.

— Você realmente não tem que fazer tudo isso. — Sua voz estava baixa, mas suave — Por favor, perdoe-me por mentir para você antes … minhas irmãs na Associação Cooperativa das Bruxas vivem uma vida de refugiadas há muito tempo. Elas não esperam muito, seu único objetivo é ter um lugar onde elas possam viver em reclusão. Mesmo viver neste castelo seria suficiente.

— Como isso seria diferente de viver uma vida dentro de uma gaiola? — Roland balançou a cabeça, mas então, de repente, ele entendeu o que ela disse. Seus olhos ficaram arregalados quando ele olhou cheio de choque com Rouxinol — O que você quer dizer … o que você está dizendo é que você está disposta a trazer suas irmãs aqui?

Rouxinol suspirou e evitou olhar diretamente para o Príncipe.

— Quando eu fizer isso, você vai se tornar um inimigo da Igreja.

— O braço da Igreja se esticou tanto que acabou se tornando muito fino. — Roland não se importava com coisas que ainda aconteceriam no futuro — Com o slogan “o poder do Rei é concedido por Deus”, a Igreja entrará em conflito com o poder dos reinos logo logo. Quanto a Vila Fronteiriça, o objetivo agora é sobrevivermos nos próximos três meses, então a Igreja não será capaz de fazer nada aqui na vila. Aqui estamos a centenas de quilômetros de distância da sede da Igreja. O que você acha que vai acontecer se o Papa invocar um julgamento militar com o Exército do Julgamento e realizar uma cruzada por todo o Reino de Castelo Cinza contra mim? Meu pai nunca iria permitir isso, pois seria uma afronta muito grande atacar a Família Real.

— … — Rouxinol não sabia como responder, então ela fez uma saudação e saiu. Quando Rouxinol saiu do quarto, Roland deixou seu corpo cair sobre a cama, respirando profundamente para relaxar. Havia algumas coisas que ele não disse a ela. Por exemplo, quando ele disse a Rouxinol que a sede da Igreja ficava a centenas de quilômetros de Vila Fronteiriça, a intenção era que, com a velocidade de travessia do exército, eles provavelmente só seriam capazes de reagir no final da primavera. Além da distância havia também a sua identidade como um príncipe, então existia uma grande possibilidade de que eles só iriam enviar emissários para averiguar a situação.

Como resultado, Roland concluiu que a Igreja só conseguiria chegar após seis meses, no mínimo. Até então, ele próprio já teria uma solução para lutar contra a Igreja.

Assim, o maior risco de seu plano não era a igreja, mas sim as próprias bruxas.

Este ponto era conhecido apenas por ele mesmo.

Embora no momento as bruxas estivessem em desvantagem, a situação atual não duraria para sempre. O poder de uma bruxa não depende da herança de sangue, então não existia um padrão para determinar quem iria despertar. Era tudo muito aleatório. Isso significa que não existe a possibilidade de erradicar as bruxas, então a tendência é que seu número aumente mais e mais.

A Igreja confia na Olho da Retribuição de seu Deus, e até agora ela ainda pode manter alguma vantagem sobre as bruxas com ele, mas ele só é capaz de anular sua magia. No entanto, o despertar de uma bruxa confere uma extensa gama de habilidades, além de aumentar sua força física, velocidade de pensamento e reação. Mesmo as aparências das bruxas ficam muito mais bonitas do que a das pessoas comuns.

Elas essencialmente poderiam ser consideradas como uma Nova Humanidade.

Quanto mais brutal for a opressão, mais intensa será a resistência. Quanto dano seria causado a Castelo Cinza se as bruxas começarem um motim? Já que a Igreja deu luz ao ódio, se ela perder o controle, seria muito provável que o ódio se voltaria contra todos os residentes do Reino de Castelo Cinza.

Roland não queria ver isso acontecer.

Então, ele precisava começar por Vila Fronteiriça e estabelecer uma estrutura para conter ambos os lados. Mais tarde, ele teria de estender a estrutura para Forte Cancioneiro, e no final para todo o reino.

Ele estava criando um mundo em que as pessoas comuns e as bruxas poderiam coexistir.


 

 

[1] Sangria é um método da medicina antiga. Trata-se de fazer pequenos cortes para forçar o sangramento e até mesmo usar sanguessugas.

Deodoro
Tradutor nas horas vagas. Só joga no hard.
FONTE
Cores: