EA! – Capítulo 205 – 3Lobos

EA! – Capítulo 205

A escolha do Rei

Em um canto remoto da Cidade de Aço, Shi Xiaobai jogou a espada no chão, produzindo um baque. Ele se sentou e encostou as costas na parede, todo melancólico.

Assim como Riko pediu, ele fez tudo isso para humilhar [Zeus], mas ele acreditava que não tinha sido o suficiente. Além disso, foi tudo muito rápido. Era difícil dizer que foi realmente agradável. Pelo menos, certos leitores acharam insatisfatório e gritaram que não acharam que foi o suficiente.

Mas não havia outra escolha. Shi Xiaobai tinha suas próprias razões indescritíveis. A força do único golpe que ele usou contra Severo não era sua própria força. Ele usou um método especial.

E esse método especial era chamado de doping!

Quando o afeto de Kevin por Muriçoca atingiu “Gostar”, Shi Xiaobai recebeu uma recompensa Nível C da Escolha Absoluta. A recompensa foram três comprimidos dourados.

Essas três pílulas eram chamadas de “Shura de Um Segundo”. Sua função era simples. No momento em que as pílulas foram engolidas, a pessoa que a tomou teria 99% de seu Poder Psiônico comprimidos instantaneamente antes que a energia explodisse por um segundo.

Quando Shi Xiaobai fez esse ataque, ele esmiuçou a “Shura de Um Segundo” que ele tinha na boca. Embora sua proficiência no cultivo psiônico não fosse considerado alto, a quantidade de reservas de Poder Psiônico que ele tinha era ampla. Ao comprimi-la por um instante, alcançou um nível aterrador.

Junto com a Espada Iniciante do Rei que ele acabara de dominar, esse ataque de aparência simples continha secretamente um poder surpreendente.

A manifestação mais direta disso foi a quebra da espada-negra de Severo. Apenas a tempestade formada pela energia da espada tinha jogado Severo a mais de dez metros para longe, até o ponto de ele vomitar um bocado de sangue.

Contra um super-novato talento desafiador dos céus, cujo reino de cultivo psiônico era maior que o dele, o ataque de Shi Xiaobai surpreendeu a todos. Seu golpe na parede de aço e um único ataque no super-novato, Severo, retrataram com sucesso a imagem dele sendo misterioso e poderoso.

Depois disso, Shi Xiaobai disse sua declaração, uma mentira que ele deliberadamente fabricou.

No entanto, o fato era que, em comparação com os novatos de Zeus, a ira de Shi Xiaobai estava mais voltada para o público da Cidade de Aço. Ele estava furioso com a zoação sofrida pela delegação de [Gaia]. Ele estava enfurecido pelo público por não terem a menor honra coletiva.

Portanto, Shi Xiaobai pretendia fazer a audiência aprender uma lição e, por isso, finalmente ele escolheu contar essa mentira.

— Os cidadãos insensatos ainda são cidadãos. Como Rei, eu deveria liderá-los, não deveria? — Shi Xiaobai disse a si mesmo.

Por isso, ele escolheu enganá-los. Ele disse ao público de [Gaia] e aos cidadãos da Cidade de Aço que havia muitos talentos escondidos entre os novatos de [Gaia]!

Esta mentira dificilmente seria aceitável, mas depois de ele derrotou Severo com um golpe, ninguém ousava negar diretamente isso.

Portanto, foi o suficiente. Isso foi suficiente para mudar as atitudes do público. Foi o suficiente para recuperar os corações das pessoas.

Quando os cidadãos zoam seus próprios países, como Rei, ele não deveria ter seus olhos obscurecidos pela raiva, pois os cidadãos estavam apenas envolvidos na mentalidade do rebanho[1] por ignorância. Suas ações eram resultado do que eles podiam ver.

Eles viram a fraqueza de seu país, por isso eles trataram seus próprios novatos com escárnio. Se um Rei matasse seus súditos e cidadãos e os punisse por isso, ou até proibisse certas coisas, isso tornaria a situação cada vez pior. O Rei perderia muito a confiança das pessoas.

E se neste momento, uma pessoa com um poder deslumbrante aparecesse no país para criar o pensamento de “Ah, meu país estava apenas fingindo”, então a zombaria naturalmente chegaria ao fim. Os corações das pessoas também se voltariam para uma direção diferente.

Tal exemplo era extremamente útil quando usado para descrever a presente situação em [Gaia]. Infelizmente, como a classe dominante, o alto escalão de [Gaia] não conseguiu perceber este ponto, e até mesmo optaram por fechar os olhos, permitindo que a atitude dominante prevalecesse.

Como resultado, Shi Xiaobai não teve escolha senão usar a si mesmo para atingir esse objetivo. Independentemente do assunto, [Gaia] foi a primeira organização a qual ele se juntou. Ele já tinha alguns amigos aqui, então ele tinha certos sentimentos por [Gaia].

Depois de dizer essa mentira importante, Shi Xiaobai não aguentou mais. Com “Shura de Um Segundo” drenando 99% de seu Poder Psiônico, Shi Xiaobai teria entrado em colapso se não fosse pela Tartarugoaura apoiando-o com força.

Depois de fazer rapidamente esse discurso, ele correu para fora do estádio e sentou-se em um lugar isolado. Ele não tinha forças nem para mover um dedo.

Shi Xiaobai usou alguns minutos e sua própria força para mudar o resultado final da trocação.

Contudo… Ele não estava tão feliz ou animado.

— Este Rei está infeliz, pois não conseguiu lutar contra todos eles.

Shi Xiaobai olhou para o céu com uma expressão deprimida.

Essa humilhação foi muito rápida. Além disso, ele não conseguiu vingar as sete derrotas esmagadoras. Parecia que faltava alguma coisa.

Este Rei está triste, a ponto de chorar.

No entanto, Shi Xiaobai fez o seu melhor, e ele fez a melhor escolha. Pode-se dizer que, para [Gaia], ele mudou seu modus operandi.

—Espere e veja, [Zeus]. Este não é o fim.

Shi Xiaobai sorriu e imediatamente pensou na próxima seleção em massa. Ele definitivamente encontraria os novatos de [Zeus] lá, e quando chegasse a hora, Shi Xiaobai os deixaria entender que um Rei não devia ficar facilmente enfurecido.

*Kacha!*

De repente, um som estranho soou ao lado dele. Shi Xiaobai usou o resto força que ele tinha para virar a cabeça e imediatamente ficou alarmado.

Ele viu a loli branca como a neve, que apareceu da mão direita sem que ele percebesse, agarrando a espada de prata e comendo ela. A maneira como ela estava babando fez parecer que estava comendo uma deliciosa sobremesa.

Sua pequena boca e dentes brancos estavam mordiscando suavemente a lâmina modelada em dragão, como se estivesse engolindo um biscoito crocante. Enquanto ela continuava, ela mordia um pedaço do metal e após mastigar um pouquinho, ela engolia com os olhos arregalados de alegria.

Neste momento, mais de metade da espada do dragão de prata dourado-púrpura tinha sido devorada.

Ao ver Shi Xiaobai se virar, a loli parou, revelou uma expressão lamentável e disse como se estivesse prestes a chorar:

— Irmãozão… fome…

Shi Xiaobai ficou um pouco surpreso e perguntou:

— As espadas são sua comida?

Shi Xiaobai conseguia aceitar as coisas muito facilmente, então ele imediatamente adivinhou essa possibilidade.

— Sim.

A loli imediatamente acenou com a cabeça e olhou para a metade restante da espada. Olhando para cima, ela olhou cuidadosamente para Shi Xiaobai com uma expressão fofa, como se ela soubesse que ela estava errada, mas queria fazer o melhor de um erro sem retificar suas falhas.

Shi Xiaobai nunca resistia a uma linda loli, então ele acenou com a mão e disse:

— Vá em frente e coma. No futuro, este Rei irá encontrar uma pilha de espadas divinas para você comer como quiser!

A loli ficou atordoada e acenou com a cabeça fortemente. Enquanto ela ria de forma leve, seu rosto estava brilhando com alegria. Ela abriu a boca e continuou a morder a metade da espada restante.

Shi Xiaobai sorriu e continuou olhando para cima. Ele não sabia quem tinha fincado a espada no chão, mas devido à situação urgente, e achando essa espada confortável ali bem na sua frente, ele trouxe a espada junto com ele.

Agora que a espada já tinha sido praticamente comida, embora ele estivesse um pouco arrependido pelo mestre da espada, já era tarde demais. Ele desejou que o mestre da espada contivesse seu sofrimento e concordasse com mudanças inevitáveis.

Neste momento, o som de passos foi ouvido virando a esquina.

A expressão facial da loli mudou e ela rapidamente empurrou os restos da espada para a mão de Shi Xiaobai e se transformou numa bola de luz dourada antes de mergulhar na mão direita.

Shi Xiaobai virou a cabeça ligeiramente quando ouviu o som de passos.

Logo, uma bela garota entrou em sua visão. A menina estava vestida com um vestido de cor azul. Ela não tinha nenhuma expressão em seu rosto, mas sua beleza era de tirar o fôlego.

A menina vestida de azul virou a esquina e viu Shi Xiaobai sentado no chão. Ela soltou um suspiro suave, como o miau de um gatinho.

— Minha espada…

A menina vestida de azul disse e de repente olhou para baixo. Com um olhar, ela viu os restos da espada do dragão de prata dourado-púrpura na mão de Shi Xiaobai.


 

 

[1] É como chamam aquele fator ‘multidão’, em que o indivíduo parte até mesmo a própria consciência e segue o fluxo. Isso acontece muito em torcidas e shows, onde pessoas que não são geralmente violentas, ao estar no meio, acabam agindo da mesma forma.

Deodoro
Tradutor nas horas vagas. Só joga no hard.
FONTE
Cores: