DNG – Capítulo 56 – 3Lobos

DNG – Capítulo 56

Reunião

Depois de ouvir sobre a confirmação de finalmente ir para a guerra, todos participaram do último treinamento em conjunto com grande entusiasmo. No campo de treinamento, a maioria dos espers era jovem, então as sessões anteriores de treinamento estavam sempre cheias de risos. Porém, agora, todo mundo estava em silêncio, dando tudo de si para reprimir a raiva.

Os meios de comunicação continuaram a criticar a 1ª Legião por não defender a Terra. Nas últimas semanas a Terra estava constantemente sob ataque, o que já havia desgastado mentalmente os cidadãos. O incidente em Sidney se tornou a faísca que detonou toda a pressão sob a qual os cidadãos estavam.

As pessoas começaram a questionar, quando a Terra estava sob ataque repetidas vezes, onde estava a 1ª Legião na qual o Governo Unificado da Terra havia investido tantos recursos? Por que eles não apareciam e protegiam a Terra?

Com a gangue Pássaro Espinhento liderando, todos os grupos de invasores ativos perto da Terra se reuniram e atacaram esta grande cidade que estava localizada na Austrália.

Já que Sydney estava localizada na Oceania, longe do continente e sem acesso imediato à reforços em grande escala, os invasores puderam agir descaradamente.

Pior ainda, depois de vários grandes grupos de invasores limparem Sidney, os piratas começaram a disparar contra a cidade usando os canhões em suas naves de guerra, quase que nivelando a antes bela cidade costeira, bem como causando pesadas baixas.

Sem dúvida, os invasores estavam cheios de desprezo pela Terra, ignorando completamente o governo e o exército do planeta.

Embora muitos espers estivessem no exército, os poucos espers que ainda viviam na cidade enfrentaram bravamente os intrusos, e cooperaram ativamente com a polícia para resistir à invasão. Claro que muitos deles jamais sairiam daquele campo de batalha com vida.

Infelizmente, os cidadãos furiosos não viam esse lado, e a mídia dirigiu toda a hostilidade para a Administração Esper. Havia até mesmo opiniões de dúvida entre os membros do Parlamento do Governo Unificado.

Depois de um total de quatro horas de treinamento conjunto, Han dispensou o grupo, mas a maioria deles não deixou a base de treinamento e continuou a se fortalecer de outras formas.

Han sabia que todos os seus companheiros se sentiam desamparados. Não era que eles não queriam proteger os civis, mas eles estavam restritos aos quartéis.

Ana Beibei tinha parado de chorar e se trancado na sala de treinamento.

Han soltou um pequeno suspiro e saiu do centro de treinamento. Ele veio para o campo aberto. A neve tinha parado, mas o ar ainda estava incrivelmente frio. O tempo neste ano estava bastante incomum, e ninguém sabia o motivo. Han viu uma sombra esguia e escura na noite. Era Long Chuan, e ele tossia violentamente no escuro. Ele franziu as sobrancelhas e caminhou até Long Chuan, que viu Han e lhe ofereceu um cigarro. Han balançou a cabeça, recusando.

— Todos os membros do acampamento de gênios provavelmente me odeiam agora, certo? — Long Chuan sorriu amargamente e disse.

Han respondeu:

— Eles não te odeiam de verdade, no máximo estão se sentindo deprimidos.

Long Chuan disse com amargura:

— Você é muito honesto. Isso não importa de verdade. Odiando ou não, eu não ligo. Às vezes, a fim de alcançar um objetivo estratégico, é necessário fazer sacrifícios.

Han concordou.

— Então, estamos realmente indo para a guerra?

Long Chuan não negou. Ele olhou para o relógio e disse com uma voz séria:

— Ainda temos três horas. Você ainda tem algum tempo para dormir.

— Eu não consigo dormir, então eu vou voltar e me arrumar.

— Beleza — Long Chuan disse sem emoção.

Han estava deitado em sua cama, olhando a noite estrelada pela janela. Long Chuan disse que eles estariam saindo depois de três horas, e isso seria às 3 horas da manhã. Han já tinha arrumado as coisas que precisava levar em seu Anel Céu Azul. Embora o espaço dentro do anel não fosse muito grande, apenas de 1 metro cúbico, ainda era suficiente para guardar armas, seu traje de combate e muitas pílulas.

Às 02:15, a base de repente se iluminou. Todos os holofotes foram imediatamente ligados e uma sirene militar soou em seguida.

Han se levantou da cama, pegou sua mochila e saiu do quarto.

Todos os membros do campo de treinamento moravam no mesmo andar. Han saiu da porta e já viu Cheng Zhong, Xin Beige, Nicholas e os outros. O coração de todos parecia bater no mesmo ritmo. Todos estavam de malas prontas há várias horas e estavam prontos para ação.

Cheng Zhong carregava um saco de viagem gigante de trezentos litros, e Han sabia que estaria cheio de alimentos de alto teor calórico, a fonte principal da força dele. Ana Beibei também saiu. Ela havia mudado para seu traje de combate, que mostrava as curvas de seu corpo, mas seus olhos ainda estavam vermelhos e ela não parecia muito bem descansada.

Todo mundo saiu em silêncio e seguiu a tropa principal para embarcar no Cruzador Atlântico. A partir do momento em que a sirene soou até todos estarem a bordo do cruzador, foram apenas 35 minutos. Apesar de ter sido formada recentemente, todos na 1ª Legião pareciam já ser muito bem treinados.

Afinal, estas eram as elites escolhidas entre os 150 mil espers da Terra. O poder de combate da 1ª Legião era definitivamente o maior dentre todo o exército do planeta.

Han olhou para baixo por uma portinhola e viu os três gigantes da Administração Esper, Li Yu, Talin, e Long Chuan, se despedindo uns dos outros. Dos três, apenas Long Chuan iria comandar a 1ª Legião em combate, e os outros dois ficariam para trás para defender a Terra.

Na atual organização do exército da terra, além da 1ª Legião de mais de 10 mil membros, havia apenas algumas equipes táticas especiais do quartel general e de outras divisões. No Cruzador Atlântico Han viu Chu Li e quatro de suas equipes táticas especiais da divisão de Shanghai, o que significava que toda a região de Shanghai estava atualmente sendo defendida por uma única equipe, composta de apenas 11 espers.

Claramente, a operação seria executada com força total, colocando todas as cartas em jogo.

Long Chuan está provavelmente sob muita pressão… — Han se escorou na janela e pensou silenciosamente.

— Estou deixando todos os recursos da Administração em suas mãos, por isso, para esta guerra, deixe a Terra orgulhosa! Vocês só estão autorizados a ganhar! — Talin disse em uma voz séria para Long Chuan.

Long Chuan balançou ligeiramente a cabeça, sorriu e disse:

— Deixa comigo. De acordo com a nossa inteligência, o grupo Pássaro Espinhento já está se reunindo. Sem a cooperação de um grupo tão grande, a Terra vai enfrentar menos pressão. Porém, vocês ainda têm que estar atentos. Afinal, eu estou levando todos os soldados comigo, e nossa casa será apenas uma concha vazia por enquanto.

Li Yu apontou para si mesmo e para Talin.

— Olhe para nós, eu pareço a porra de um cadáver para você? Só cuide da sua equipe, e deixe o cuidado de casa com a gente. Não se preocupe com nada!

— Entendido, até.

*Pa*

Long Chuan assumiu uma posição de sentido e fez uma saudação no melhor padrão militar para Li Yu e Talin. Li Yu e Talin retornaram o gesto solenemente.

Se virando, Long Chuan tossiu duas vezes e começou a caminhar a passos largos. O vento soprava vindo do norte, e a silhueta alta e magra de Long Chuan logo desapareceu com o vento.

Li Yu rangeu os dentes e seus olhos ficaram vermelhos. Com uma voz abafada ele disse:

— A doença de Long Chuan está piorando. Desta vez, ele está colocando tudo em risco. Ele provavelmente não pensa em voltar vivo.

Talin assentiu um pouco, e disse em uma voz muito pesarosa:

— Eu sei. Antes de falecer, ele quer fazer algo pelo planeta que ele tanto ama. Como amigos, a única coisa que podemos fazer é não impedi-lo. Long Chuan é um verdadeiro guerreiro, ele tem seu próprio orgulho e glória.

*Tchrooooooomroooomm*

Carregando a 1ª Legião esper, o Cruzador Atlântico lançou intensas chamas azuis de seus motores e subiu para o espaço, desaparecendo no céu noturno estrelado em um piscar de olhos.

Vermillion
Domina Inglês e Português. Spymaster nas horas vagas.
FONTE
Cores: